CONSÓRCIO CAPIM BRANCO ENERGIA

Projetos Socioambientais

ONÇA-PARDA DO TRIÂNGULO MINEIRO

Em execução desde janeiro de 2009, o Projeto “Onça parda do Triângulo Mineiro” é uma parceria entre o Consórcio Capim Branco Energia- CCBE e o Programa de Conservação Mamíferos do Cerrado- PCMC.

Seu principal objetivo é conhecer a biologia e ecologia das espécies de felinos de médio e grande porte presentes na área de influência do Complexo Energético Amador Aguiar, de modo a fomentar estratégias de conservação. Numa outra vertente, o projeto abrange a sensibilização e conscientização da comunidade rural local, visando reduzir conflitos acarretados pela predação de animais domésticos, pela fauna silvestre.

Nesse trabalho, as metodologias aplicadas incluem o armadilhamento fotográfico, observação de vestígios secundários, tais como fezes e rastros, entrevistas com moradores da zona rural e finalmente a captura dos felinos para instalação de rádios transmissores.

Dada sua amplitude, na região de estudo e em áreas circunvizinhas, o projeto acabou absorvendo o monitoramento de espécies de canídeos como raposa-do-campo (pseudalopex vetulus), cachorro-do-mato (cerdocyon thous) e lobo-guará (chrysocyon brachyurus).

Em quatro anos de execução, o projeto teve como resultados a captura de 7 indivíduos de onça-parda, 2 jaguatiricas, 12 cachorros-do-mato, 15 raposas-do-campo e 1 lobo-guará. Das onças-pardas capturadas, 4 receberam colares com rádio transmissor, possibilitando a obtenção de muitas informações sobre a ecologia da espécie na região.

O CCBE apoia este projeto, pois entende que a conservação de espécies que representam o topo da cadeia alimentar, tal como a onça-parda, é um passo determinante para alcançar o equilíbrio ecológico entre as demais espécies nativas.

Fotos: Arquivo PCMC / Frederico Lemos